O que é um consultório compartilhado e quando é permitido?

O conceito de coworking ou consultório compartilhado é uma base fundamental da economia colaborativa de hoje. A economia compartilhada provou ser uma solução viável para grupos de todos os tamanhos em outras profissões para manter suas despesas operacionais baixas. Disto isto, confira abaixo o que é um consultório compartilhado, conhecido popularmente como coworking.

Consultório compartilhado: Entenda

Coworking ou consultório compartilhado é um modelo de trabalho de escritório em que você, como empresário independente ou pequena empresa, aluga um espaço em um local de trabalho junto com outros empresários e pequenos negócios.

Desse modo, você compartilha espaços e recursos – coisas como cozinha, impressora, aluguel e utilitários. Portanto, você obtém os benefícios de ter um espaço profissional sem precisar arcar com todos os custos. O coworking tem ajudado muitos músicos, chefs, advogados, médicos e empresários a manter os custos baixos enquanto constroem grandes negócios.

À primeira vista, o conceito de economia compartilhada não é novo na medicina. Os médicos se juntaram a grupos ou os formaram por esta mesma razão, mas a economia compartilhada teve um custo de emprego, ou um modelo corporativo maior que resultou na perda de independência, autonomia ou aceitação de uma estrutura corporativa com a qual os médicos não estavam familiarizados ou desejavam em primeiro lugar.

Por outro lado, os benefícios da associação a um modelo de consultório compartilhado médico bem estruturado são vistos como financeiros, operacionais e profissionais, bem como benefícios imediatos e de longo prazo.

Benefícios do consultório compartilhado

A seguir estão algumas das maiores vantagens que os médicos relatam experimentar depois de mudar para o modelo de consultório compartilhado.

Foco nos pacientes

O coworking médico elimina muito do trabalho árduo diário associado a administrar sua própria prática médica. As tarefas de gerenciamento de escritório são delegadas a outra pessoa, assim como a maioria dos problemas operacionais e logísticos.

Os espaços de coworking médico são projetados para que você possa passar menos tempo se preocupando com o gerenciamento da clínica e mais tempo cuidando de seus pacientes. Desse modo, você pode dar-lhes atenção adicional e ajudá-los a se sentirem vistos e ouvidos, sem se preocupar com o fato de que outras áreas de sua empresa estão começando a ficar para trás.

Mais eficiência financeira

Custa muito dinheiro para começar sua própria prática médica e é preciso ainda mais dinheiro para mantê-la funcionando. Ao optar pela abordagem de compartilhamento médico, você pode economizar muito e usar os recursos de que dispõe de maneiras mais eficientes e econômicas.

Com o coworking médico, você não precisa gastar uma tonelada de dinheiro divulgando sua prática e comprando ou alugando escritórios.Todos os que fazem parte do espaço de coworking contribuem e ajudam a manter o ambiente funcionando sem colocar grandes buracos nos bolsos.

Além do mais, isso o libera para gastar seu dinheiro de outras maneiras que beneficiam melhor você, seus pacientes e os outros profissionais de saúde que podem estar trabalhando com você.

Independência

Lembre-se de que a maioria dos médicos não possui sua própria prática. Atualmente, o controle sobre o setor de saúde está concentrado nas mãos de alguns grandes nomes.

Se você deseja permanecer independente desses jogadores e não obedecer a suas regras e regulamentos, o  consultório compartilhado é o caminho a percorrer.  Assim, permite-lhe mais independência financeira e cria mais oportunidades de prestar cuidados da forma que considerar mais adequada.

Flexibilidade

Outro grande benefício do coworking médico é a flexibilidade que ele oferece aos profissionais de saúde. Quando você está começando, o coworking médico é uma ótima maneira de construir sua clientela e fazer seu nome na área médica sem ter que se endividar ainda mais.

Portanto, ele permite que você se concentre mais em fornecer um ótimo atendimento ao paciente e menos na logística de administrar seu próprio consultório ou lidar com a política do escritório em um consultório maior administrado por alguém cujos valores são diferentes dos seus.

Em suma, os espaços de coworking médico oferecem muita flexibilidade nos planos que oferecem, então você pode escolher uma opção que se encaixa no seu orçamento.

Oportunidades de networking

Ao ingressar em um espaço de consultório compartilhado , você estará rodeado por profissionais de saúde de todos os tipos. De médicos a massoterapeutas e especialistas em medicina esportiva, você terá a oportunidade de fazer contatos e aprender com os melhores em uma variedade de áreas.

Todavia, isso permite que você amplie seus conhecimentos, o que, por sua vez, torna mais fácil fornecer aos seus pacientes um nível mais alto de atendimento. Além disso, você pode compartilhar as informações que está aprendendo com eles ou pode encaminhá-los a outros profissionais no mesmo espaço para dar-lhes um tratamento mais completo.

Benefícios de longo prazo

Benefícios financeiros:

O maior benefício financeiro de longo prazo de um modelo de coworking médico ao longo do ciclo de vida do consultório será a economia de despesas gerais do consultório. Isso assumirá a forma de economia em pessoal, benefícios de pessoal, suprimentos médicos, custo de espaço físico, serviços públicos, TI, telefone, gestão de resíduos e tecnologias usadas para facilitar a prática e o atendimento ao paciente.

Quanto mais abrangente um modelo de coworking pode se tornar, mais benefícios podem ser oferecidos aos membros, como: expansão para outros locais, assistência médica e outros benefícios, responsabilidade de escritório, marketing, aquisição de tecnologia crítica e contratação de fornecedores.

 Esses benefícios, no passado, só eram obtidos se os médicos fossem contratados ou fossem obrigados a trabalhar sob uma única estrutura.Hoje, não há necessidade de que os médicos independentes também não possam se beneficiar dessas economias.

Benefícios operacionais:

Um modelo de consultório compartilhado médico abrangente e bem projetado pode fornecer benefícios aos seus membros nas operações diárias de suas clínicas. As habilidades administrativas necessárias para dirigir uma clínica não são aquelas para as quais os médicos foram treinados, nem lhes foi permitido exercitar e aperfeiçoar.

 

Benefícios profissionais:

Uma das principais características de um modelo de coworking é a capacidade de permitir que seus integrantes ganham flexibilidade em sua jornada de trabalho, permitindo um equilíbrio mais saudável entre vida e trabalho. Este atributo, na profissão médica, é vital para reduzir o burnout e aumentar a satisfação profissional e moral.

O modelo abrangente de consultório compartilhado médico atua como uma incubadora para aqueles que desejam crescer e se expandir. Também fornecerá flexibilidade para aqueles que sempre desejaram um cronograma de 2 a 3 dias por semana, mas não tiveram a chance de conseguir isso.

Em última análise, o modelo de coworking médico permite um meio realista de atingir a aposentadoria gradualmente e nas próprias condições do médico.

Por que o consultório compartilhado funciona para práticas médicas

Tradicionalmente, os médicos que desejam abrir um consultório particular são desencorajados pelos enormes custos iniciais de equipar o espaço médico: salas de exames e procedimentos com equipamentos e armazenamento adequados, uma mesa administrativa, uma sala de espera e o consultório particular do médico constituem apenas uma parte das instalações e materiais necessários.

Além disso, há custos adicionais para modificar o espaço de acordo com as necessidades do médico, como a quantidade de pessoal necessário, o maquinário necessário para realizar determinados procedimentos e elementos decorativos que personalizam a prática.

E ainda por cima, o médico geralmente começa com muito poucos pacientes e acumula dívidas adicionais no processo de construção de uma nova base de pacientes

Contudo, o consultório compartilhado é ótima opção, pois assim o profissional evita os enormes investimentos iniciais que muitas vezes são necessários para iniciar uma prática privada, oferecendo instalações que são flexíveis o suficiente para atender a uma variedade de médicos, suas necessidades específicas e sua equipe.

Conclusão

Em suma, o modelo de consultório compartilhado é uma das muitas inovações necessárias para ajudar os médicos a enfrentar os desafios crescentes de manter a autonomia e administrar sua prática. É necessário ressaltar que um simples modelo de compartilhamento de escritórios ou um modelo básico de prestação de serviços não proporcionará os benefícios mencionados.

Os impactos desse modelo de compartilhamento bem projetados serão, em última instância, ajudar a restabelecer e elevar o moral dos membros médicos e a satisfação profissional. A apreciação indiscutível deve ser a de que um médico menos estressado e oprimido fornecerá um cuidado reconhecidamente melhor de seus pacientes, expressará níveis mais elevados de satisfação profissional e moral

Agora que você sabe mais sobre o que é um consultório compartilhado,  e os benefícios que ele tem a oferecer , está pronto para experimentá-lo?

Recentes

Regras para consultório compartilhado: 4 itens para não deixar passar!

Você conhece as regras para consultório compartilhado? O consultório compartilhado pode ser uma...

Quanto custa abrir um consultório odontológico no Brasil?

A prática odontológica é um compromisso organizacional e econômico. O dentista é o seu próprio empregador e isso traz duplo fardo, responsabilidade...

Prontuário do paciente: você está fazendo da maneira certa?

O prontuário do paciente é um dos principais documentos para guiar o trabalho médico e orientar os próximos passos do tratamento indicado...

Relacionados

Regras para consultório compartilhado: 4 itens para não deixar passar!

Você conhece as regras para consultório compartilhado? O consultório compartilhado pode ser uma...

Quanto custa abrir um consultório odontológico no Brasil?

A prática odontológica é um compromisso organizacional e econômico. O dentista é o seu próprio empregador e isso traz duplo fardo, responsabilidade...

Prontuário do paciente: você está fazendo da maneira certa?

O prontuário do paciente é um dos principais documentos para guiar o trabalho médico e orientar os próximos passos do tratamento indicado...

Porque fidelizar clientes sai mais barato que conquistar novos?

Criar um relacionamento duradouro com seus clientes traz muitos benefícios para sua empresa. Em um contexto marcado por acirrada competição e volatilidade...